fotocoagulacao a laser

 

Fotocoagulção a laser é um tratamento feito através de aplicação de várias formas e intensidades de raios de laser.  A fotocoagulação apresenta vários objetivos que incluem selar vasos sanguíneos, melhorar a oxigenação da retina, restaurar o epitélio pigmentado da retina, reabsorver líquidos da retina, ou “soldar” a retina quando na presença de buracos retinianos.

O exame é realizado através dos seus efeitos fotoquímicos e térmicos sobre o tecido retiniano e subjacente. Objetiva obter controle das patologias oculares descritas.

O feixe de luz direcionado permite que o médico especialista em fundo de olho (retinólogo) consiga aplicar o laser exatamente onde se faz necessário. Obtendo assim maior eficiência no resultado final.

Embora seja um procedimento oftalmológico sua aplicação é feita no âmbito ambulatorial sem necessidades de anestesia no paciente. Somente a instilação de colírio anestésico no olho, para aliviar o desconforto.

 

INDICAÇÕES


O laser é indicado para pessoas que apresentam doenças que afetam os vasos sanguíneos do olho, como ocorre nos diabéticos. Pacientes que apresentam degenerações periféricas ou roturas na retina predisponentes ao deslocamento de retina também necessitam desse tratamento.

O uso de vários comprimentos de onda de laser é uma das grandes novidades deste tratamento, pois permite que o médico atue nas camadas da retina com segurança e eficácia. O laser verde é o padrão para os tratamentos em diabéticos, o laser amarelo confere segurança para a região delicada central e tem afinidade para tecidos sanguíneos, e finalmente o laser vermelho é adequado para tratamento de lesões profundas como tumores.

Para tratar a formação de vasos sangüíneos anormais (neovascularização) as aplicações são espaçadas ao longo das áreas laterais da retina. As pequenas cicatrizes resultantes da aplicação do laser reduzem a formação de vasos sangüíneos anormais e ajudam a manter a retina sobre o fundo do olho evitando o descolamento da retina.

 

COMO A FOTOCOAGULAÇÃO A LASER É REALIZADA


O paciente é posicionado no aparelho após dilatação pupilar e anestesia tópica com colírios, e são realizados os “disparos” com características especificas para cada doença.

A fotocoagulação a laser é realizada em uma ou várias sessões, onde a retina sofre várias “micro” queimaduras. Nos casos mais graves, podem ser necessários muitos disparos de laser numa sessão.

Este procedimento pode ser realizado em regime ambulatorial (dispensa internação), utilizando apenas os colírios. Isto permite ao paciente, após o procedimento, ir para casa sem nenhum curativo.

 

ORIENTAÇÕES


  • Paciente deve comparecer com acompanhante maior de idade.
  • Usuários de lente de contato devem interromper uso no dia do exame.
  • Fazer uma alimentação leve antes do exame.
  • O procedimento tem duração de aproximadamente 30 minutos por olho.
  • Após a realização do laser o doente fica com a visão turva durante algum tempo devido ao efeito do laser e da dilatação da pupila. Por isso, deverá estar acompanhado quando da realização do procedimento por algum familiar ou acompanhante.
  • O doente não deverá conduzir ou caminhar sozinho imediatamente após o exame.

VOCÊ SABIA QUE É POSSÍVEL REALIZAR UM AGENDAMENTO ONLINE?