dermatocálase

 

A dermatocálase (dermato = pele, calase = frouxidão, flacidez) ou blefarocálase é o nome técnico dado ao excesso de pele nas pálpebras que ocorre nas pessoas com o avançar da idade.

O surgimento da dermatocálase é um processo natural do envelhecimento que ocorre devido ao aumento da frouxidão dos tecidos. Neste caso ocorre na região ao redor dos olhos. Ocorre também um processo de perda de gordura na face levando a uma perda da sustentação destes tecidos, que junto com a força da gravidade, acaba por causar uma queda da pele ao redor dos olhos e em toda a face. A época em que isso começa a ocorrer varia muito; em algumas famílias já se nota desde cedo, em torno dos 35 a 40 anos, mas na maioria das vezes ocorre em torno dos 60 anos de idade.

 

SINTOMAS


Pacientes com dermatocálase podem ter uma variedade de sintomas. Essses são alguns: dificuldade de elevação da pálpebra superior, desconforto peri-orbitário secundário ao uso em excesso do músculo frontal e do músculo orbicular. Além de uma diminuição do campo de visão superior. A dermatocálase pode gerar algumas consequências para a pessoa. Sendo a principal, uma alteração da aparência, fazendo com que tenhamos um aspecto mais “envelhecido” ou “cansado”. Ela nunca causa cegueira, mas nos casos em que a queda da pele é muito grande pode atrapalhar a pessoa a enxergar. Diminuindo o campo visual, parecendo como se uma cortina estivesse cobrindo a parte de cima dos nossos olhos.

 

TRATAMENTO


A blefaroplastia, tanto superior quanto a inferior, é uma cirurgia realizada para o tratamento da dermatocálase e/ou das bolsas de gordura palpebral. O intuito é melhorar a aparência da região periocular do paciente, devolvendo um aspecto mais “jovem” a pessoa.

A cirurgia é realizada sob anestesia local com ou sem sedação. Vários cuidados devem ser tomados antes da cirurgia e o médico deve estar atento a muitos detalhes. É imprescindível que seja feito um exame oftalmológico completo antes da cirurgia, bem como uma avaliação de risco cirúrgico. Além do excesso de pele e bolsas palpebrais o médico deve estar atento à posição dos supercílios. O objetivo principal da cirurgia não é deixar “a pele dos olhos esticadinha” e sim harmonizar o rosto da pessoa, devolvendo a ela um aspecto mais jovem.

 

CONSIDERAÇÕES


A blefaroplastia é uma das cirurgias estéticas mais realizadas no mundo. Mas deve ser feita sempre com o máximo de cuidado e por um profissional médico com experiência no assunto. Isso evita complicações e aumentas as chances de alcançar os melhores resultados.

você sabe como é feita a cirurgia dessa doença?

VOCÊ SABIA QUE É POSSÍVEL REALIZAR UM AGENDAMENTO ONLINE?